Menina sequestrada nos EUA em 2018 é encontrada viva no México

Caso foi solucionado pelo FBI.

O FBI encerrou um caso de sequestro infantil que estava sendo investigado desde 2018. As autoridades buscavam pela localização da menina Aranza Maria, que tinha apenas 4 anos quando foi raptada.

Segundo as informações do caso, Aranza estava em um shopping com a mãe biológica, em uma visita supervisionada. A mulher conseguiu levar a menina sozinha ao banheiro e fugiu dali.

De 2018 para cá, o FBI investigava o paradeiro da menina. Após as investigações, foi concluído que a mulher já não estava mais nos Estados Unidos e que, provavelmente, havia fugido para o México com a criança.\n\nO desfecho da história é inesperado. Aranza foi encontrada em um orfanato, onde vivia desde 2019. A mãe da menina acabou presa acusada de abuso contra a própria filha. Ré na Justiça mexicana, ela ainda confessou o sequestro da filha.

Apesar da prisão da mulher, as autoridades mexicanas não tinham ideia do paradeiro da menina. Havia uma recompensa de US$ 10 mil para qualquer um que tivesse informações que levassem ao paradeiro da menina.

Apenas agora o FBI conseguiu localizar a menina, anos depois. Aranza hoje tem 8 anos e, por ser cidadã estadunidense, foi levada de volta aos Estados Unidos onde tenta se readaptar ao país.

Aranza foi sequestrada em Vancouver, Washington, nos EUA. A menina tinha 4 anos. Ela foi encontrada em Michiacán, no México, já com 8 anos de idade. O FBI não divulgou como encontrou a menina.


Publicado

em

por