VÍDEO: Jovem de SC que tirou a vida do pai e deixou mãe em estado grave, causa assombro ao expôs o que faria com o dinheiro da família

O crime chocou o estado de Santa Catarina.

A brutalidade envolvendo o assassinato do empresário Márcio Elizeu Melo, de 45 anos, e a tentativa de homicídio contra sua esposa, de 39 anos, deixou o delegado de Polícia Civil de Indaial, Filipe Martins Alves Pereira, chocado.

O filho foi detido na quinta-feira (1º) e admitiu a autoria do crime, que aconteceu durante a madrugada de segunda-feira (29) na residência da família.

Matheus, em conluio com um amigo, perpetraram o delito, resultando na manutenção da prisão temporária de ambos pela Justiça. O envolvimento desses indivíduos em conjunto na prática do crime foi corroborado pelos elementos apresentados, fundamentando a decisão judicial.

Conforme divulgado na coletiva, para consumar o crime, o jovem de 18 anos propôs ao seu cúmplice uma oferta de R$ 50 mil e a disponibilização de um veículo como incentivo.

De acordo com informações da Polícia Civil, o assassinato vinha sendo planejado ao longo de aproximadamente dois meses, com a intenção de que o filho eliminasse o pai e, simultaneamente, o comparsa atacasse a mãe.

Márcio era proprietário de uma pequena metalúrgica, onde seu filho exercia atividades. Este último admitiu ter concebido o crime contra os pais devido à sua indignação com a maneira como era tratado por eles.

Ele expressou sentir-se mais como um empregado tanto em casa quanto na empresa, alegando que não recebia o tratamento adequado como filho.

O rapaz detalhou que a intenção do plano era assassinar seus pais para obter a herança financeira. Posteriormente, ele e seu cúmplice planejavam estabelecer uma fazenda dedicada ao cultivo de maconha, financiando seu sustento por meio dos lucros provenientes do comércio de drogas.

As autoridades foram informadas sobre o plano durante um interrogatório conduzido pela polícia. Ainda de acordo com as informações das autoridades, o jovem não apresentou nenhum resquício de arrependimento ao falar como o pai perdeu a vida de forma cruel.


Publicado

em

por