Partida de futebol entre amigos acaba de maneira trágica após menino de 12 anos perder sua vida de forma inusitada

Nesta última terça-feira, dia 12 de dezembro, chegou a ser divulgado através de diversos canais de comunicação que um menino de apenas 12 anos de idade perdeu sua vida de uma forma muito inusitada enquanto estava participando de uma partida de futebol.

O caso aconteceu na região do Guarujá, em São Paulo, região litorânea do estado. E infelizmente, uma partida que começou como uma brincadeira entre os amigos, terminou de maneira trágica.

Segundo informações fornecidas por canais de comunicação, a criança feriu sua perna durante uma partida de futebol na aula de educação física. E segundo o atestado de óbito, a causa de sua morte teria sido por insuficiência respiratória aguda, tromboembolismo pulmonar e fratura da perna direita.

De acordo com o Ministério da Saúde, essa condição ocorre quando os pulmões não conseguem fornecer oxigênio suficiente para atender às necessidades que o corpo demanda ou quando não conseguem eliminar suficientemente o dióxido de carbono. Isso pode causar diversos outros problemas de saúde.

Então, o que teria acontecido com o menino Arthur?

O pré-adolescente enfrentou diversos desafios ao procurar por ajuda médica, dois dias após ter sofrido a lesão na perna. No primeiro atendimento, realizado em uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento), o primeiro diagnóstico se mostrou equivocado. Com a dor persistente, a família solicitou ajuda de um hospital.

E no hospital, após exames, ele acabou sendo liberado. Com o seu retorno, devido a fortes dores, sua situação apenas piorou, levando o menino a ser internado e eventualmente a falecer.


Publicado

em

por