Mc Bin Laden conta mais sobre adoção e se declara para mãe: ‘me curou’

Cantor teve problema com drogas na juventude.

Mc Bin Laden, cantor que estourou no Brasil com a música “Ta tranquilo, ta favorável”, ainda em 2017, é um dos participantes do Big Brother Brasil deste ano. Com a participação, o artista tem se destacado nas redes sociais.

Dentro do programa, o rapper abriu o coração e falou sobre a relação que tem com a mãe. O cantor foi adotado com 18 anos, após ser resgatado pela mãe, que é pastora. Bin Laden lembrou que a mãe teve dificuldades após adota-lo.

Minha mãe é pastora. Ela me adotou, a igreja esvaziou. Na época, a galera ficou revoltada. Fui adotado com 18 para 19 anos“, lembrou. O cantor atribuiu à mãe a sua luta contra as drogas.

Bin Laden ressaltou a importância que teve a adoção, lembrando que antes disso era um jovem revoltado. Bin Laden foi expulso de casa quando ainda tinha 11 anos de idade, conforme contou dona Mariza, sua mãe adotiva.

Em entrevista à Quem, a mãe do artista lembrou que Bin Laden fazia uso de drogas e tinha um comportamento revoltado, de um jovem que carregava muitos traumas. Bin também falou disso no BBB24.

“(… ) Eu funkeiro, cheio de revolta, cheio de mágoa, cheio de tristeza, cheio de ódio. Deixei quieto esse bagulho de rejeição”, contou. Ainda segundo o cantor, após ser resgatado, o sentimento de acolhimento foi o que lhe fez deixar a revolta para trás.

No BBB24, Bin esta sendo conhecido por novos públicos e tem ganho popularidade.


Publicado

em

por