‘Completamente desestabilizado’: pai de menino esquecido em van escolar ainda não sabe onde enterrar o filho

A morte do menino João Alisson, de 3 anos, esquecido por horas em uma van escolar, ainda esta sendo processada pela família. O menino ficou trancado no veículo por cerca de 10 horas.

Para a família, a tragédia ainda é difícil de aceitar. Procurado pela imprensa, o pai do menino relatou estar “completamente desestabilizado” e confessou que ainda nem sequer sabe onde vai sepultar o filho.

Alan Placido Coimbra Pereira respondeu à Agência Record e lamentou a perda do filho. “Ontem, o meu ‘Super América’ me deixou. Ainda não entendi por que Deus levou o meu menino”, desabafou.

Depois de ser encontrado sem vida, o corpo do menino foi encaminhado ao Instituto Médico Legal, onde passou por exames necroscópicos. Até a última informação, o corpo ainda não havia sido liberado.

Menino foi esquecido em van escolar

Segundo o apurado do caso até o momento, João estava na van para ser levado à creche onde estudava. O veículo chegou na unidade por volta de 7h45, mas não houve checagem no interior do veículo.

Sem saber que a criança ainda estava no carro, a motorista estacionou a van próximo a um poste e só voltou à creche por volta das 16h, para buscar as crianças, momento em que foi informada sobre a ausência de João Alisson.

O menino foi encontrado, caído sob um dos bancos da van, já sem sinais vitais. A polícia foi acionada e a mulher chegou a ser presa, mas agora esta em liberdade provisória.


Publicado

em

por