Chega ao fim as buscas pela menina Ágatha Saraiva após ela ter sido raptada no portão de casa

As autoridades trouxeram mais detalhes sobre a menina Ágatha Saraiva que foi raptada no portão de sua casa. As buscas finalizaram.

Chegou ao fim as buscas pela menina Ágatha Saraiva, de apenas 3 anos de idade, que foi raptada no portão de sua casa, após ter entrado no veículo de pessoas que pararam no local. O caso aconteceu no Paraná.

A Polícia Civil encontrou Ágatha Saraiva, de 3 anos, que estava desaparecida desde 11 de janeiro. A criança foi localizada na noite de terça-feira, dia 30 de janeiro, em Minas Gerais, após uma operação de alta complexidade.

As autoridades paranaenses identificaram a localização da menina e contaram com o apoio da Polícia Civil de Minas Gerais para efetuar o resgate.

A coletiva de imprensa em Cascavel fornecerá detalhes sobre a operação, mas ainda não há confirmação se o casal acusado do crime foi preso. Ágatha foi levada enquanto estava em frente a uma casa, sendo colocada em um veículo identificado como um Ford Focus.

O carro foi encontrado momentos depois em um loteamento.  Diante do caso, as autoridades solicitaram ao judiciário a busca e apreensão de Ágatha Sofia Saraiva.

O casal suspeito de rapto da criança teve a prisão decretada no mesmo dia pela Justiça.  A partir desse momento, eram considerados foragidos. Por enquanto, não há grandes informações sobre o casal acusado de ter raptado a menina.

As informações iniciais divulgadas indicam que Ágatha foi encontrada, e assim, chegou o fim as buscas pela menina. O caso continua a gerar repercussão e chama atenção por parte das autoridades.


Publicado

em

por