BBB24: Rodriguinho afirma ser rico, esnoba confinados, mas na real estaria endividado e teve aluguel pago por famoso

Para quem vai a sua torcida nesta edição do Big Brother Brasil.

Quem acompanha o dia a dia da vigésima quarta edição do Big Brother Brasil, já percebeu o quanto o cantor Rodriguinho tem sido soberbo em diversas ocasiões no reality show.

Sempre que tem oportunidade o participante do ‘Camarote’ fala de sua bem-sucedida carreira, o quanto tem de dinheiro e que não precisa do prêmio oferecido pelo programa produzido pelo Grupo Globo.

A suposta soberba do cantor de pagode tem gerado incomodo entre os espectadores que não se cansam de dar aquele espiadinha na casa mais vigiada do Brasil.

Rodriguinho já afirmou que não ficaria em uma prova de resistência valendo um carro, pois já tem um veículo e ressaltou que se for colocado no castigo do monstro vai apertar o botão de desistência.

Aliás, o brother fala o tempo todo em deixar o reality show, já que de acordo com o famoso, ele lucra muito mais fora do confinamento, entretanto, de acordo com o site ‘EM OFF’, Rodriguinho bastante endividado.

Durante uma conversa com Yasmin Brunet e Pitel, o cantor exibiu arrogância ao mencionar que o montante que despende em três meses é superior ao que outros participantes conseguem ganhar em um período de três anos.

“Só o que deixei para estar aqui dentro, por mês, resolve só um pouquinho. Se eu ficar três meses aqui, o quanto gastarei. Tem gente que não ganha isso em um ano. Um ano não, me respeite, em dois, três anos”, afirmou.

Com dívidas atrasadas

Em uma participação no Jota Podcast, Rodriguinho afirmou que já esteve em situação tão complicada financeiramente que teve aluguel da casa pago pelo cantor Thiaguinho.

Contudo, ao que parece suas dívidas não estão quitadas e o cantor deve uma boa quantia de acordo com a apuração do ‘EM OFF’.

Embora tenha zombado dos demais participantes ao mencionar a quantia de dinheiro que alegadamente ganha, o cantor de pagode ingressou no reality com uma dívida de R$81.138,73 referente a aluguel e taxas não quitadas de um apartamento locado em São Paulo. Além disso, ele possui uma pendência de R$54.082,57 em relação ao IPVA.

ANÚNCIOS

Rodriguinho está enfrentando uma cobrança judicial. Conforme a ação legal, a situação teve início após o artista formalizar o contrato de locação de um apartamento na cidade de São Paulo, abrangendo um período de 36 meses, que vai de outubro de 2021 a outubro de 2024, revelou ‘EM OFF’.


Publicado

em

por